quarta-feira, 2 de abril de 2008

IndieLisboa 2008

Mais 3 semanas e estaremos prestes a assistir a uma nova edição do IndieLisboa (24/04 - 04/05), a quinta para ser mais preciso. Quem já nos conhece de outras aventuras e quem prestou atenção aos primeiros passos deste blogue, deduziu com facilidade que não somos propriamente uns incondicionais do cinema independente, seja ele de que nacionalidade for.
No entanto, o jovem festival IndieLisboa tem aberto a porta a muitos filmes inéditos em Portugal (e alguns vão continuar a sê-lo de certeza por muito mais tempo ainda infelizmente) que se enquadram na perfeição naquele cinema visceral, transgressivo, descomplexado e, sobretudo, formalmente impressionante que tanto veneramos.
Passaram assim pelas 4 primeiras edições do festival, filmes como "Hard Luck Hero" do japonês Sabu, "The Big Red One" do mítico Samuel Fuller, a trilogia "Infernal Affairs" da dupla Andrew Lau/Alan Mak, "Loft" do mestre Kiyoshi Kurosawa, "Mirrormask" do britânico Dave McKean, o crepuscular e inesquecível western australiano "The Proposition" realizado por John Hillcoat e escrito por Nick Cave, o indispensável "Pat Garret & Billy the Kid" do grande Sam Peckinpah, o hardcore "Princess" do dinamarquês Anders Morgenthaler, "A Scanner Darkly" do norte-americano Richard Linklater, a belíssima homenagem ao cinema mudo "La Antena" do argentino Esteban Sapir e também uma excelente retrospectiva do atípico cineasta nipónico Shinji Aoyama assim como a presença no cartaz de cada edição de um filme do incontornável realizador de Hong-Kong, Johnnie To, com "Breaking News" (um plano-sequência inicial alucinante!), "Yesterday Once More", "Election" e "Exiled" (obra-prima!).
Aliás, o grande destaque desta edição de 2008 é precisamente uma retrospectiva imperdível deste grande cineasta que é Johnnie To, cujos filmes continuam incompreensivelmente inéditos no nosso circuito comercial (salas de cinema ou DVD). Esta retrospectiva por si só faz do IndieLisboa 2008 o evento cinematográfico do mês de Abril, aproveitando-se para aconselhar os filmes "The Mission", "PTU", "A Hero Never Dies", "Running Out of Time", "Throw Down" e "The Heroic Trio" sem esquecer de não deixar escapar as suas últimas realizações que são os aguardados "Mad Detective" e "Sparrow".
Mas para além disso, teremos ainda "Sad Vacation", o último Shinji Aoyama, "The Rebirth" de Masahiro Kobayashi, o esperado "Go Go Tales", novo filme de Abel Ferrara, "The Blueberry Nights" do aclamado Wong Kar-Wai (infelizmente uma pequena decepção) e por fim, um dos filmes mais ansiados do festival (pelo menos por mim!), o muito promissor "Let the Right One In" do sueco Thomas Alfredson, um invulgar filme de vampiros com crianças que deverá de certeza ficar na memória (trailer consultável numa entrada anterior).
Portanto, cinéfilos, já sabem o que vos resta fazer e, para isso, podem consultar o calendário e a programação completa do IndieLisboa 2008 clicando na foto acima ou indo aos nossos links.
Bom festival, nós lá estaremos!

2 comentários:

Taiga disse...

Quando se é entendedor e o amor por algo é inato,jamais se deixa o monstro....matando e fazendo viver novos rumos ou novas imagens,para quem sabe,ve-se logo que a marca continua presente.

Estarei atento....estarei atento.

Um ganda abraço...com toda a força!

Zatoichi disse...

Tenho pena de não poder estar no IndieLisboa.


Mais uma oportunidade desperdiçada para conhecer melhor a filmografia do importantissimo Johnny To (bem parece que vou ter de recorrer a outras formas para que isso aconteça) e alguns filmes da secção observatório como o novo filme do mestre Abel Ferrara "Go Go Tales" e principalmente o meu mais que esperado "Let The Right One In" de Thomas Alfredson, mais um produto do cada vez mais surpreendente e doentio cinema de género nórdico.
Depois da bomba "Princess", presente na edição passada do IndieLisboa, será este o novo filme a deixar a redacção do "O Movie, Where Art Thou?" traumatizada?
Espero bem que sim eheheheheh (Fonhasse, até pareço um senhor a falar caraças!!!!)



Despeço-me com fortes abraços e como sempre prometo voltar o mais cedo possivel!!!!!