quinta-feira, 28 de agosto de 2008

"Puffball": don't look now

Filme de 2007 com estreia ocorrida no Reino Unido no passado 18 de Julho, "Puffball" é simplesmente o último filme do inglês Nicolas Roeg, um cineasta indispensável que não tem a notoriedade que merece junto do grande público.
De facto, um realizador que assina filmes como "Performance" (1970), "Walkabout" (1971), a obra-prima absoluta "Don't Look Now" (1973), "The Man Who Fell to Earth" (1976), "Bad Timing" (1980) ou "Eureka" (1984) só pode ser considerado um cineasta importantíssimo da história do cinema.
Com a idade respeitável de 80 anos, Nicolas Roeg dirigiu portanto o ano passado "Puffball", a estranha história de uma jovem arquitecta que, ao mudar-se para uma casa isolada numa recondita província, acaba por engravidar, originando a ira dos seus vizinhos camponeses persuadidos que essa criança por nascer é responsável dos recentes acontecimentos sobrenaturais que têm assombrado a região.
O trailer disponível deixa antever um filme bem à maneira do grande Nicolas Roeg, ou seja, uma mistura muito própria e muito subtil de um quotidiano ultra banal e de um clima bizarro e pesado. Raros são os realizadores que conseguem tão bem contaminar o real por um fantástico sempre contido mas não menos perturbador e altamente psicológico, equiparando-se um pouco aos grandes momentos da vasta filmografia de Roman Polanski, período 60/70.
Mas Nicolas Roeg é mais daqueles cineastas que influencia do que o contrário, veja-se por exemplo toda a geração de jovens realizadores que oficiam actualmente no género do terror, poucos são aqueles que não citam "Don't Look Now" como uma das suas maiores influências.
"Puffball" é portanto uma promessa inesperada de reencontrar atrás das câmaras um dos grandes cineastas britânicos da história da 7ª Arte. Ora aqui está uma excelente notícia.

1 comentário:

Shin_Tau disse...

Ora, de facto, parece-me uma excelente notícia. Um filme de terror old school, já sinto algumas saudades disso. Fico à espera com alguma ansiedade.